"V1RN" INFORMAÇÃO COM IMPARCIALIDADE E CREDIBILIDADE 

quarta-feira, 11 de julho de 2018

Campanha do TSE estimula voto consciente nas Eleições 2018

Nada melhor que saber para onde se quer ir
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou, nesta quarta-feira (4), uma campanha para estimular o voto consciente do eleitor no pleito de 2018. Com apelo centrado na importância de o cidadão estar bem informado sobre seus candidatos, a iniciativa conta com filmes para veiculação na TV e internet, cartaz, posts para redes sociais e spot para rádio. Também foi disponibilizado um plano de mídia que especifica como essas peças deverão ser utilizadas.
O material da campanha está disponível no portal do TSE, no link http://www.tse.jus.br/imprensa/campanhas-publicitarias.
O filmete exibido a partir de hoje na TV, bem como o spot para rádio avisam: “A vida é feita de caminhos e escolhas. As eleições também. Eleitores que se informam sobre seus candidatos sabem aonde querem chegar. Faça do seu voto consciente um caminho para um Brasil melhor”.
Além do chamado para que o eleitor participe das eleições gerais de outubro e o faça de forma consciente, buscando informações da vida pregressa dos candidatos, a campanha procura desmistificar o boato de que votos nulos e brancos podem anular uma eleição. Ao contrário, o resultado do pleito é computado a partir de cada um dos votos válidos digitados nas urnas eletrônicas.
Como preparação para o pleito de outubro, a Assessoria de Comunicação do TSE, responsável pela produção da campanha, planeja lançar outras campanhas informativas ao longo do ano. Entre os temas que serão abordados estão a segurança do voto eletrônico, o passo a passo da votação, os documentos obrigatórios para votar e as regras para o uso do telefone celular no dia da eleição.
#Voto #Eleições #Eleitor
Tse

Inscrições para o FIES começam neste mês


Ministério da Educação (MEC) divulgou, nesta terça-feira (10), o edital do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para o segundo semestre de 2018. As inscrições começam no próximo dia 16 e encerram-se no dia 22 de julho. Os interessados devem se inscrever exclusivamente pelo site do Fies Seleção.

Quem pode concorrer
Além da comprovação da renda, o candidato deve ter feito uma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, com média igual ou superior a 450 pontos e nota maior que zero na redação. Durante o curso, o estudante deve ter rendimento para ser aprovado em todas as matérias.
Diferença entre as modalidades
O Novo Fies divide o programa em três modalidades, oferecendo uma escala de financiamentos que varia conforme a renda familiar do candidato.
Na primeira modalidade, direcionada para alunos cuja renda familiar mensal é de até três salários mínimos, o financiamento é feito diretamente pelo governo, com juro zero. O programa tem o auxílio do Fundo Garantidor, composto por verbas da União e das Instituições de Ensino. O financiamento, nesse caso, é de, no mínimo, 50% do curso e, no máximo, R$ 42 mil por semestre. O estudante começará a pagar as prestações respeitando o seu limite de renda.
As duas outras modalidades, chamadas de Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies), são voltadas para quem tem renda renda per capita mensal entre três e cinco salários mínimos. O financiamento é oferecido pelas instituições financeiras. Como elas têm recursos públicos, são capazes de ofertar um valor mais barato que o mercado, porém mais caro que o da modalidade I.
A modalidade II é utilizada nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, e a fonte de financiamento são os Fundos Constitucionais. Na terceira modalidade, para as demais regiões, os recursos são do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
Prazos
O resultado será publicado no dia 27 de julho. Em caso de pré-seleção, o candidato deve complementar informações da inscrição e fechar o contrato de financiamento entre os dias 27 e 31 de julho. Após essas etapas, o candidato tem cinco dias para comprovar informações junto à comissão responsável pela validação dos dados informados. A etapa seguinte é o comparecimento ao agente financeiro.
No caso dos estudantes inscritos no P-Fies, não haverá lista de espera. Os demais podem manifestar interesse entre os dias 1º e 24 de agosto.

Novo golpe no WhatsApp promete passagens aéreas gratuitas

Um novo golpe vem sendo espalhado no Brasil via WhatsApp. A ameaça fraudulenta oferece duas passagens aéreas gratuitas, segundo informações da PSafe. A empresa de segurança afirma que os hackers utilizam a marca companhia aérea Gol para dar mais credibilidade à suposta promoção junto às vítimas.
A tecnologia antiphishing do app dfnder security, da PSafe, aponta que foram gerados mais de 30 mil ciberataques a partir do golpe em cerca de seis horas, noticia o IDG Now.
Como é costume nesse tipo de golpe, o ataque em questão leva o usuário até uma pesquisa falsa antes de poder acessar a suposta promoção – em que é preciso responder as perguntas como “Você já viajou esse ano?”
Depois das respostas (independente de qual seja), o usuário é direcionado para uma página em que é pedido que compartilhe a “promoção” com 30 amigos ou grupos de contatos no WhatsApp. De acordo com o texto falso, as supostas passagens seriam enviadas por e-mail em até dois dias após o resgate das mesmas pelo usuário.

Quadrilha rouba carga de caminhão dos Correios na Grande Natal

Um caminhão dos Correios teve a carga roubada por uma quadrilha em São José de Mipibu, município da Grande Natal. O crime aconteceu por volta das 3h50 desta quarta-feira (11) na BR-304. Ninguém foi preso.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, pelo menos oito criminosos, em duas caminhonetes, se aproximaram do caminhão e abordaram os dois ocupantes do veículo. Em seguida, os bandidos levaram o caminhão para um sítio, onde também renderam os moradores de uma casa.
Os reféns foram trancados dentro da residência. Depois, os bandidos roubaram a carga do caminhão, que foi abandonado às margens da BR-304.
Os objetos roubados não foram divulgados. Ninguém ficou ferido e nenhum dos suspeitos pelo crime foi identificado.
Do G1

Audiência sobre forró como patrimônio imaterial acontece neste sexta-feira

De forma pioneira, a Câmara Municipal de Parnamirim, em parceria com  a Prefeitura de Parnamirim, Senado Federal e Fundação Parnamirim de Cultura realizará, nesta sexta-feira (13), às 09h, no Cine Teatro Municipal, uma audiência pública com o tema “Forró: Patrimônio Imaterial da Cultura Brasileira”. O evento é aberto ao público e a população está convidada.

Via Robson Pires

Micro e pequenas empresas poderão ingressar no eSocial em

Micro e pequenas empresas poderão ingressar no eSocial, a partir de novembro. Nesta quarta-feira (11), foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (11/7), a Resolução nº 4 do Comitê Diretivo do eSocial permitindo que micro e pequenas empresas – que são aquelas com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões – e Microempreendedores Individuais (MEI) possam ingressar no programa que unifica as informações fiscais, previdenciárias e trabalhistas dos empreendedores em um banco de dados administrado pelo governo federal.

Emparn registra chuva de 104 milímetros no Leste do RN


As chuvas seguem atingindo a região Leste do Rio Grande do Norte. A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado (Emparn) registrou mais de 104 milímetros de precipitação em Goianinha, maior volume para o período entre 7h de terça-feira (10) e 7h desta quarta-feira (11).
Em Natal, a Emparn anotou 64 milímetros de chuvas. Outro município que teve alto volume de chuva foi Baía Formosa, com 96,8 mm.
Na região Agreste Potiguar, a maior ocorrência foi em Monte Alegre, com 88 milímetros, seguida por Santo Antônio, com 55 mm.
Interior do RN
As chuvas no interior potiguar – nas regiões Central e Oeste – estão dentro do esperado. Nas últimas horas foram registradas poucas ocorrências.
Na Central, o maior volume foi em São Bento do Norte, com 15 milímetros. No Oeste, pouco choveu em Grossos, com 4,3 mm.
Confira o boletim completo
MESORREGIÃO OESTE POTIGUAR
Grossos 4,3
Ipanguacu(Base Fisica Da Emparn) 3,6
Assu(Emater/st. Casa Forte) 3,3
Pendencias(Ana) 0,8
Assu(Particular) 0,7

MESORREGIÃO CENTRAL POTIGUAR
Sao Bento Do Norte(Prefeitura) 15,0
Sao Vicente(Emater(ex-particular)) 2,4
Cruzeta(Base Fisica Da Emparn) 2,0
Jardim De Angicos(Emater) 1,3
Guamare(Lagoa Doce) 1,1
Pedro Avelino(Particular) 0,4

MESORREGIÃO AGRESTE POTIGUAR
Monte Alegre(Emater) 88,0
Santo Antonio(Emater) 55,0
Nova Cruz(Emater) 50,0
Bom Jesus(Particular) 34,5
Boa Saude(Emater) 21,3
Sao Tome(Emater) 19,0
Ielmo Marinho(Prefeitura) 18,0
Parazinho(Emater – Ex-particular) 15,3
Vera Cruz(Emater) 13,0
Sao Pedro(Emater) 10,0
Tangara(Emater) 10,0
Santa Maria(Sind.trab.rurais) 9,0
Barcelona(Particular) 8,8
Bento Fernandes(Riacho Dos Paus-part.) 8,0
Campo Redondo(Policia Rodoviaria) 7,5
Rui Barbosa(Emater) 6,3
Sao Bento Do Trairi(Prefeitura) 6,1
Jacana(Emater) 4,7
Sitio Novo(Prefeitura) 3,5

MESORREGIÃO LESTE POTIGUAR
Goianinha(Emater) 104,5
Baia Formosa(Destilaria Vale Verde) 96,8
Espirito Santo(Prefeitura) 87,5
Ares(Prefeitura) 77,5
Natal 64,0
Montanhas(Prefeitura) 56,7
Sao Goncalo Do Amarante(Base Fisica Da Emparn) 32,6
Parnamirim(Base Fisica Da Emparn) 23,8
Maxaranguape(Particular) 23,5
Extremoz(Emater) 19,1
Ceara Mirim 17,0
Ceara Mirim(Prefeitura) 12,3




Beneficiários do BPC devem se inscrever no Cadastro Único até dezembro

Idosos e pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) têm até dezembro para se inscrever no Cadastro Único para Programas Sociais. O BPC assegura um salário mínimo mensal à pessoa com deficiência e ao idoso com 65 anos ou mais que comprovem não possuir meios de prover a própria manutenção.
Para se inscrever, os dependentes do BPC devem procurar os Centros de Referência de Assistência Social (Cras) ou a secretaria de assistência social do município portando o Cadastro de Pessoa Física (CPF), registro geral (RG) e comprovante de residência.

Senado aprova aumento de potência para rádios comunitárias

O Senado aprovou nessa terça-feira (10) projeto que aumenta a potência das rádios comunitárias. A redação final prevê a ampliação de 25 para 150 watts. Pela proposta, haverá também aumento do número de canais disponíveis em cada localidade, de um para dois. O projeto, de autoria do Senado, segue agora para a Câmara dos Deputados.
As rádios comunitárias ganharam legislação própria em 1998. A Lei 9.612, daquele ano, estabeleceu regras específicas para essas estações, limitando o canal por comunidade a um e a potência a 25 watts. As representações dessas emissoras sempre reclamaram desses limites. Um dos argumentos é que eles dificultam a transmissão em locais de menor densidade geográfica, especialmente em áreas rurais ou na Região Norte.
Do outro lado, emissoras comerciais criticavam a proposta, afirmando que o aumento da potência poderia gerar risco de interferência das rádios comunitárias em outros tipo de estação de rádio. Os posicionamentos contrários contribuíram para uma alternativa acordada em plenário – 150 watts, quando a redação original previa 300 watts.
Na sessão, senadores responderam às críticas das emissoras comerciais. “O aumento de potência é claro, só vale para quela comunidade. Rádios de municípios não vão alcançar outra cidade. Não há pormque criar falar que vai afetar rádios privadas”, afirmou o senador Waldemir Moka (MDB-MS)
O aumento foi defendido por parlamentares como forma de valorizar o trabalho das emissoras comunitárias. “Há 4.800 rádios deste tipo pelo país afora, com papel relevante na comunicação social. São elas que estão presentes nos rincões do país, fazendo comunicação com responsabilidade”, disse a senadora Fátima Bezerra (PT-RN).
Na avaliação do coordenador executivo da Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária (Abraço), Geremias Santos, a aprovação foi importante para as emissoras. “Vinte anos depois da lei do setor, senadores mudaram a legislação. Não foi o que queríamos, mas chegaram a um termo que coloca agora a necessidade dos deputados promoverem a aprovação da lei”, comentou.
Com informações da Agência Brasil

Novo acidente na Reta da Tabajara


Um acidente envolvendo dois veículos na BR-304, na Reta Tabajara, em Macaíba, deixou dois mortos e outras três pessoas feridas. A colisão ocorreu por volta das 20h desta terça-feira, 10, e de acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), os carros colidiram de frente em uma rotatória.
Dois homens que estavam em um Fiat Palio, que vinham do Ceará com destino a Natal, passaram direto pela rotatória e se chocaram com um outro automóvel, um Volkswagen modelo Amarok. Devido a intensidade da batida, os dois ocupantes do Palio morreram no local, e os três ocupantes da caminhonete foram socorridos e o estado de saúde é considerado grave. Os homens foram identificados como Rodrigo Morais de Gomes Silva, 21, e Rogério Naniny da Silva Leme, 26 anos.
A PRF investiga o que poderia de fato ter ocasionado o acidente, e salienta que não há sinalização nem pintura no asfalto nas proximidades da rotatória. O trecho que aconteceu o acidente se encontra em obra há anos, e devido às más condições de sinalização se torna um perigo para os condutores.

Descumprimento de procedimento licitatório gera condenação por improbidade em Pedro Avelino

A ex-presidente da Câmara Municipal de Pedro Avelino e três servidores da Casa foram condenados em um processo de improbidade administrativa pelo descumprimento do processo licitatório na contratação de locação de veículos.
Conforme a denúncia do Ministério Público Estadual, os acusados locaram automóveis de particulares sem o prévio procedimento licitatório e de forma fragmentada. A sentença é do juiz Ítalo Gondim, integrante do Grupo de Apoio a Meta 4 do Conselho Nacional de Justiça.
Elizabeth Moura teve seus direitos políticos suspensos pelo prazo de cinco anos, sendo imposto também o pagamento de multa civil em valor corrigido equivalente ao do dano causado, no total de R$ 20.880,04.
Já os três servidores da Comissão de Licitação foram condenados ao pagamento de multa civil equivalente a metade dos danos causados ao Município.
Na sentença, o juiz Ítalo Gondim avaliou que a própria Lei de Licitação (8.666/93) “permite o parcelamento das contratações, vedando apenas o fracionamento tendente a burlar a obrigatoriedade ou a modalidade de licitação”.
Fonte: Robson Pires

Mossoró conta com 915 agricultores aptos a receberem o Garantia-Safra


A Prefeitura de Mossoró, por meio da Secretaria Executiva de Agricultura, informa que existem 915 agricultores aptos a receberem o GarantiaSafra.
O benefício é uma ação do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) destinado a quem sofre perda sistemática da safra por motivo de seca ou excesso de chuvas.
O Garantia-Safra tem como beneficiários os agricultores que possuem renda familiar mensal de, no máximo, 1,5 (um e meio) salário mínimo e que plantam entre 0,6 e 5 hectares de feijão, milho, arroz, mandioca, algodão. O benefício para Mossoró é relativo à safra de 2016/2017.
Via Robson Pires

O aumento dos salários dos agentes comunitários

O plenário da Câmara aprovou na madrugada desta quarta-feira (12), por votação simbólica, a Medida Provisória (MP) 827/2018 que trata da atuação dos agentes comunitários de saúde. A proposta aumenta o piso salarial da categoria em 52,86% ao longo de três anos. A matéria segue para apreciação do Senado.
De acordo com o texto, o piso atual de R$ 1.014,00 passará a ser de R$ 1.250,00 em 2019 (23,27%); de R$ 1.400,00 em 2020 (12%); e de R$ 1.550,00 em 2021 (10,71%). O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 2014, data do último reajuste, até maio de 2018, é de 26,35%.

Mega-Sena acumulada poderá pagar hoje R$ 31 milhões


O prêmio acumulado da Mega-Sena poderá pagar hoje (11) R$ 31 milhões ao apostador que acertar os seis dezenas. O sorteio do concurso 2.058 será 20h (horário de Brasília) no Caminhão da Sorte que está na cidade de São Miguel do Oeste, em Santa Catarina.
De acordo com a Caixa, caso aplicado na poupança, o prêmio poderia render aproximadamente R$ 115 mil mensais.
A aposta mínima da Mega-Sena custa R$ 3,50 e pode ser feita até as 19h (horário de Brasília) em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa em todo o país.
Por Agencia Brasil

Equipe econômica alerta para risco de projeto que pode criar 300 cidades


A equipe econômica disparou nos últimos dias alertas a lideranças políticas no Congresso Nacional para barrar a aprovação do projeto de lei complementar que abre caminho para a criação de 300 municípios. Faltando três meses para as eleições, o projeto de 2015 entrou na pauta de votação de quarta-feira, 11, na Câmara em regime de urgência.
A área econômica vê risco no desmembramento dos municípios para as contas públicas. A avaliação é de que a facilitação da criação de novos municípios aumenta os gastos com a duplicação de funções das prefeituras sem a compensação de novas receitas para bancar o custo adicional.
Além disso, pode levar à criação de prefeituras sem capacidade financeira, aumentando a dependência de recursos dos governos federais e estaduais. O pedido de urgência desse projeto foi aprovado em maio com grande apoio dos parlamentares em meio ao avanço das negociações políticas para as eleições de outubro. Na esfera política, mais municípios significam a ampliação da influência regional com o aumento de número de vereadores.
O projeto, de 2015, é de autoria do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) e já foi aprovado no Senado. Procurado, o relator do projeto, deputado Carlos Gaguim (DEM-TO), não quis falar sobre o projeto detalha o procedimento para criação, incorporação, fusão e desmembramento de municípios.
Relatório da Instituição Fiscal Independente (IFI) mostra que os municípios arrecadaram 2,1% do Produto Interno Bruto em 2017. Mas com as transferências feitas pelo governo federal e Estados, as receitas disponíveis para as prefeituras mais que triplicaram para 6,6% do PIB. Em 2002, a receita disponível era de 5,7% do PIB.
Um projeto similar sobre desmembramento de municípios, aprovado pelo Congresso, foi vetado pela ex-presidente Dilma Rousseff com o argumento de que provocaria aumento expressivo de despesas sem a criação de novas receitas, prejudicando ainda a repartição dos recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), principalmente municípios menores e com maiores dificuldades financeiras.
Simples 
A equipe econômica também vê com grande preocupação a aprovação de projeto de lei complementar que readmite no Simples Nacional empresas que foram excluídas do regime beneficiado de tributação por existência de dívidas. Segundo o relator, deputado Jorginho Mello (PR-SC), 470 mil microempresas haviam sido excluídas do regime simplificado de tributação em janeiro deste ano e agora poderão retornar.
De acordo com o projeto, para voltar ao Simples Nacional os empresários deverão aderir ao chamado Refis da micro e pequena empresa, programa que permite renegociar débitos e pagá-los em parcelas de até 15 anos. O Comitê Gestor do Simples Nacional se manifestou de forma contrária ao projeto, aprovado na Câmara e que tramita agora no Senado.

Novo ministro do Trabalho não descarta mudanças em indicações políticas

Ao tomar posse, nessa terça-feira (10), o novo ministro do Trabalho, Caio Vieira de Mello, disse que pretende conduzir a pasta tecnicamente.
Ele afirmou que se forem necessárias mudanças nos cargos de indicação política do PTB, elas serão feitas. No entanto, disse que quem tiver capacidade técnica ficará no ministério.

O Ministério do Trabalho é alvo de uma investigação da Policia Federal que afetou a cúpula da pasta, que era comandada pelo PTB e resultou na saída do então ministro Helton Yomura.


O chefe de gabinete do ex-ministro, Júlio de Souza Bernardes, pediu exoneração do cargo. Ele foi um dos presos na operação e foi solto nessa terça.


Souza Bernardes gravou um vídeo, divulgado nas redes sociais, e se defendeu das acusações alegando inocência.


Já no Palácio do Planalto, durante a posse do novo ministro, o presidente Michel Temer afirmou que Caio Vieria de Melo assume a pasta no momento em que emprego é prioridade. E destacou a experiência profissional do novo chefe da pasta do Trabalho.


De acordo com o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, Caio Vieira de Mello foi uma indicação pessoal do presidente Temer.

O PTB continua na base aliada.








Aplicação de vacinas do calendário adulto está abaixo da meta no Brasil

Com a cobertura vacinal abaixo da média, doenças como sarampo, poliomielite, rubéola e difteria, consideradas erradicadas no Brasil voltam a assustar.
Desde 2016, os índices de vacinação são cada vez menores e essas doenças voltaram a ser motivo de preocupação entre autoridades sanitárias e profissionais de saúde.

França chega pela terceira vez numa final de Copa do Mundo

Um gol de Umtiti de cabeça aproveitando a cobrança de um escanteio definiu o jogo a favor dos franceses. Foi aos 6 minutos do segundo tempo.
Com uma defesa segura os franceses sustentaram as tentativas da Bélgica de conseguir marcar. A França deu poucas chances de contra-ataque e conseguiu sustentar o placar.

A França jogou com Lloris; Pavard, Varane, Umtiti e Hernandez; Kante, Matuidi depois Tolisso e Pogba; Mbappe, Griezmann e Giroud depois Nzonzi.


A Bélgica jogou com Courtois; Alderweireld, Kompany, Witsel e Vertonghen; De Bruyne, Fellaini depois Carrasco e Dembele depois Mertens; Chadli depois Batshuayi, Lukaku e Hazard.


O árbitro foi o uruguaio Andrés Cunha. O público pagante chegou a 64.286 espectadores.


A Bélgica que foi quarta colocada em 1986 vai disputar o terceiro lugar com o perdedor de Inglaterra e Croácia.


A final da Copa será entre duas campeãs do mundo se a Inglaterra vencer ou será entre uma campeã do mundo e uma seleção que nunca disputou uma partida final,  a Croácia

Inglaterra e Croácia jogam a partir das 3 da tarde desta quarta-feira, em Moscou.







Famílias de baixa renda podem deixar de pagar conta de luz

Câmara aprova projeto de lei que permite privatização de distribuidoras de energia das regiões Norte e Nordeste.
O projeto de lei aprovado na noite dessa terça-feira (10), pela Câmara dos Deputados, atinge seis distribuidoras de energia da região Norte e Nordeste, atualmente controladas pela Eletrobras, que poderão ser privatizadas.

São elas: Amazonas Energia, Centrais Elétricas de Rondônia, Companhia de Eletricidade do Acre, Companhia Energética de Alagoas, Companhia de Energia do Piauí e Boa Vista Energia, que atende Roraima.


O projeto segue agora para o Senado e entra na fila das propostas de interesse do governo que podem ser pautadas durante os mutirões de votação que serão feitos no período de campanha eleitoral, entre agosto e outubro.


Este projeto de lei repete boa parte do texto da medida provisória que abria caminho para a desestatização da Eletrobras, mas perdeu a validade no mês de junho, por falta de consenso entre os parlamentares.


A saída encontrada pelo Executivo, então, foi enviar as alterações por meio de projeto de lei.

O texto foi alterado pelos deputados, que incluíram na proposta a gratuidade da tarifa de energia elétrica para famílias de baixa renda, com consumo mensal de até 70 quilowatts/hora.


Moradores de áreas consideradas remotas, ou seja, distantes das redes de distribuição, não serão onerados para que a rede de fornecimento de energia chegue até eles.


Também foi apresentada uma emenda colocando regras para evitar a demissão de servidores das distribuidoras no caso de privatização, mas a maioria dos deputados rejeitou este trecho.

Outra emenda rejeitada pedia que a população fosse consultada, por meio de um referendo, sobre a privatização.










domingo, 8 de julho de 2018

Novo recurso a caminho do WhatsApp


Todo dia surge um novo golpe do WhatsApp e eles são sempre iguais: prometem alguma recompensa (que nunca chega) para usuários do aplicativo que clicarem em um link e compartilhá-los com os amigos. Esse tipo de ataque parece bobo, mas funciona e muitas vezes atinge milhares de pessoas em questão de horas. Agora a empresa está testando uma forma de alertar o público sobre essa armadilha