"V1RN" INFORMAÇÃO COM IMPARCIALIDADE E CREDIBILIDADE 

sexta-feira, 20 de março de 2020

Hidratação e cuidados com o garrafão de água devem ser redobrado durante pandemia

A pandemia do Covid-19 (Novo Coronavírus) chegou transformando radicalmente o cotidiano de toda a população. No Rio Grande do Norte são mais de 100 casos suspeitos e, o que previne a doença, além do isolamento social recomendado pelas autoridades de saúde, são hábitos básicos de higiene e cuidados com a saúde. Um desses cuidados é manter a hidratação em dia.
“A manutenção da hidratação tem a finalidade de evitar que durante a resposta inflamatória no organismo, que corresponde a sintomas como: febre, dor no corpo e dor de cabeça por exemplo, leve a perda de líquidos de dentro dos vasos sanguíneos, ocasionando uma desidratação”, explica a bióloga e pesquisadora Ariadne Lima. Manter o corpo hidratado aumenta a imunidade e pode prevenir até a entrada de vírus pelo nariz, por exemplo.
Diante dessa necessidade de ficar mais atento para beber água, o consumo deve aumentar em casa e o ideal é que essa água consumida seja a mineral natural. “A água mineral é diferente daquela que vem da torneira e do filtro. Isso porque, a água mineral possui em sua composição íons, minerais como o magnésio, cálcio, sódio e potássio, e nutrientes essenciais para o corpo. Essa combinação de elementos em sua composição faz da água mineral ideal para o consumo regular”, afirma Ariadne.
Mensalmente, 70 milhões de litros de água mineral são engarrafados, conforme dados do Sindicato da Indústria de Cervejas, Refrigerantes, Águas Minerais e Bebidas em Geral do Rio Grande do Norte (Sicramirn). E a indústria está preparada para o possível aumento da demanda com a mudança de comportamento da população em precisar ficar mais em casa, e só sair apenas em casos especiais.
“Estamos atentos ao cenário nacional e local e, neste momento, buscamos proteger os colaboradores do setor e abastecer a população com água mineral de forma eficiente e higiênica”, comenta Djalma Cunha, presidente do Sicramirn. Apesar de todos os cuidados da indústria com o garrafão, é muito importante que o consumidor redobre a atenção com a limpeza correta do garrafão.
O ideal para limpar o vasilhame é iniciar o procedimento com água e sabão. Com uma esponja o consumidor deve lavar toda a parte superior e não apenas o gargalo. Quando finalizar este procedimento, deve-se secar com um pano limpo e seco e, por fim, passar álcool para, só depois, poder utilizar. “É importante que se tenha uma esponja ou panos higienizadores exclusivos para limpar o garrafão e não utilizar uma esponja já em uso, como a de lavar louça, por exemplo”, recomenda a bióloga.
Além da limpeza correta do garrafão, deve-se quinzenalmente limpar o bebedouro. Outra recomendação do Sicramirn é que o consumidor não aceite um garrafão com o lacre violado ou com vazamento. O local onde se compra também deve ser observado. Para manter a qualidade da água mineral que vem direto da fonte, o garrafão deve estar armazenado em um local seco e longe de luz solar ou produtos químicos. Para identificar a água mineral natural, o consumidor deve verificar o selo azul encontrado nos lacres de garrafões que indicam a certificação do produto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário