"V1RN" INFORMAÇÃO COM IMPARCIALIDADE E CREDIBILIDADE 

segunda-feira, 23 de dezembro de 2019

Com novo estudo, cientistas avançam em vacina contra o zika vírus


Um dos maiores problemas desencadeados pelo zika é a microcefalia — a má-formação do cérebro em bebês. Para evitar que ela ocorra, pesquisadores dos Estados Unidos desenvolvem uma vacina destinada a gestantes.
A fórmula foi testada em macacos e mostrou resultados extremamente positivos: reduziu a quantidade de vírus no organismo das cobaias. Os dados foram apresentados na última edição da revista Science Translational Medicine.
O estudo americano é um desdobramento de pesquisas em que os investigadores testaram a mesma vacina também em primatas. Os resultados positivos serviram como incentivo para analisar o efeito da fórmula durante a gravidez.
“A infecção pelo vírus zika em mulheres grávidas está associada a um alto risco de efeitos fetais adversos, incluindo morte fetal, microcefalia e outras anormalidades, coletivamente denominados síndrome congênita do zika. Nenhuma vacina aprovada ainda está disponível”, detalha Koen K. Van Rompay, pesquisador da Universidade da Califórnia e um dos autores do estudo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário