"V1RN" INFORMAÇÃO COM IMPARCIALIDADE E CREDIBILIDADE 

sábado, 23 de novembro de 2019

Comércio espera faturar R$ 3,6 bilhões com a Black Friday

Uma enxurrada de promoções está assediando, durante todo novembro, o consumidor que deve receber o 13° salário no fim do mês ou sacar os R$ 500 das contas ativas ou inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) antes mesmo do dia tradicional, na última sexta-feira do mês. As ofertas vão de vinho a automóveis, mas é preciso ficar atento se os descontos são mesmo verdadeiros.
Segundo a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), a Black Friday deve movimentar R$ 3,67 bilhões no país e alcançar o maior faturamento em uma década. Se confirmada a previsão de faturamento, representará um aumento de 10,5% em relação a 2018, com crescimento real das vendas em comparação com o mesmo período do ano passado de 6,8%.
Segundo o economista da CNC Fabio Bentes, um dos motivos para a expansão do faturamento é a elevação das vendas no comércio eletrônico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário