"V1RN" INFORMAÇÃO COM IMPARCIALIDADE E CREDIBILIDADE 

sábado, 6 de maio de 2017

Incêndio em Roma só deve ser apagado na segunda


O incêndio de grandes proporções que atingiu um depósito de plástico em Pomezia, na província de Roma, só deve ser apagado na manhã da próxima segunda-feira (8).
As chamas começaram por volta de 8h (horário local) da última sexta (5), em um galpão da planta de estocagem de resíduos Eco X, e espalharam uma fumaça escura e um odor nauseante por diversas cidades da região, incluindo alguns bairros de Roma.
As autoridades negam risco de intoxicação, mas pedem para todos os que moram em um raio de 2 km do local do incêndio deixarem as janelas de suas casas fechadas. Já os que residem a até 100 metros de distância do depósito foram desalojados.
"Os bombeiros, que trabalharam durante toda a madrugada, ainda estão no local do incêndio, que foi praticamente controlado. A situação está sob controle, e a fumaça diminuiu em relação a ontem", declarou o prefeito de Pomezia, Fabio Fucci.
No entanto, fontes próximas à operação acreditam que as chamas só serão totalmente apagadas na noite deste domingo (7) ou na manhã da próxima segunda-feira. Apenas depois disso os investigadores poderão trabalhar para descobrir as causas do fogo.
Em 2016, cidadãos haviam denunciado um excesso de resíduos plásticos que, aliado a supostos descuidos com as medidas de segurança, poderia causar um incêndio. Contudo, não foi feita nenhuma inspeção na Eco X para verificar os fatos.
Pomezia é governada desde 2013 por Fucci, que pertence ao partido antissistema Movimento 5 Estrelas (M5S). "A Prefeitura se moveu prontamente após o aviso dos cidadãos. Nunca subestimamos a situação, como alguns estão dizendo, pedimos a intervenção dos sujeitos competentes que, com instrumentos adequados que a Prefeitura não possui, deviam ter efetuado as verificações", disse o prefeito em sua página no Facebook. (ANSA)

Nenhum comentário:

Postar um comentário